06 janeiro 2006

Viagem Literária da obra "A Filha do Capitão"

Viagem literária da obra "A Filha do Capitão" de José Rodrigues dos Santos promovida pelo Centro Nacional de Cultura, em Abril.

Considero interessante conhecer os locais a que as obras fazem referência, pois, esse contacto dá-nos outras perspectivas que não conhecendo não temos. Para quem leu a obra pode ser uma viagem interessante.

José Rodrigues dos Santos é também um autor que quero descobrir, mas antes vou acompanhar as leituras de Shakespeare no Leitura Partilhada.

5 comentários:

india disse...

Li com a avidez própria de quem sente prazer na descoberta do parágrafo e da letra. Era Verão e aquele sorriso que nos entra casa dentro tinha penetrado no texto que eu decidira ler. Foi uma surpresa. Foi paixão. Aprendi muito sobre o que fomos, almas penadas numa guerra inglória, no período retratado. Emocionei-me com a história de amor, inquietei-me com a penúria das condições de vida nas trincheiras. Foi um dos meus amores de Agosto. A par do Equador, que na minha opinião completa o quadro histórico e cultural de Portugal no início do século XX.
Apaixonei-me por Paris e a sua exposição universal, fui coquette como Agnes, e sensibilizei-me com aquele amor intenso e grande e trágico. É isto uma leitura sublime...arrebatadora.
Um destes dias tenho uma conversa com o escritor...

Laranja com Canela disse...

India, as tuas palavras despertaram ainda mais a minha curiosidade.
Sim, penso que seria uma óptima ideia uma conversa com o autor...

rutemoura disse...

Para mim, José Rodrigues dos Santos foi uma verdadeira supresa, daquelas que nos marcam para sempre, li recentemente o Codex 632 e fiquei deliciada. Concordo que seria muito interessante uma conversa com o escritor...

Anónimo disse...

Rute,

Tendo sido um dos organizadores da memorável viagem Literária sobre A Filha do Capitão, junto o link para o artigo saído a 23/04 no Correio da Manhã.

http://www.correiomanha.pt/noticia.asp?id=199176&idCanal=19


Gostava que me dissesse que outra viagem literária ou biográfica gostaria que se realizasse e na qual participaria?

Cumprimentos,
Rui Nobre
MOMENTS IN PORTUGAL DMC

rutemoura disse...

Boa tarde,

Li recentemente o Ultimo Cabalista de Lisboa de Richard Zimmler penso que seria uma excelente, viagem literária e histórica pela nossa cidade. Também o Codex 632 nos levou pelas palavras a muitos locais, seria interessante vistá-los.