24 novembro 2006

Há coisas que me fazem confusão ...

Haver no nosso país concelhos onde não existe uma livraria.

5 comentários:

holeart disse...

um conselho?

nao acreditoooooooooooooo

um conselho?

my goooooooood

vou mudar de país

totoia disse...

Gostava de abrir uma no meu concelho (que só tem um supermercado q vender livros)mas as lojas são tão caras!

turbolenta disse...

Sim... e antigamente havia as carrinhas que corriam o país todo e que se chamavam a Biblioteca Itenerante da Gulbenkian,... que infelizmente já foram retiradas de circulação.
Era mesmo o único meio que as pessoas das aldeias por este país fora, tinham de aceder à leitura..
Tudo quanto é bom.... acaba....infelizmente!!

Different disse...

Eu posso dizer que sou um feliz produto dessas carripanas castanhas que apareciam quartas à tarde e nos permitiam sair mais cedo das aulas.
Bem hajam. Depois desapareceram e eu nunca cheguei a devolver quatro volumes. C'est la vie

Rita disse...

E o centro de Braga, onde não há uma única loja de discos?