26 outubro 2006

Lisboa em dias de chuva

Lisboa nos dias de chuva é uma autêntica confusão. O trânsito não flui. As filas são imensas. Os condutores apitam. Ficam impacientes enquanto o sinal muda e, estes, ficam no mesmo sítio.
As ruas enchem-se de água. Algumas ruas ganham autênticos lagos. As paragens de autocarros ficam apinhadas de gente. Em Lisboa, nos dias de chuva, não há condições!

7 comentários:

Cris disse...

Eu penso que nos dias de chuva... não há condições em lado nenhum... ;)

Minerva McGonagall disse...

Pois, se nos dias normais já é o que é, então nos dias de chuva...

Laranja com Canela disse...

Sei que este é um problema, à partida menor, mas para quem anda a pé, é impressionante a quantidade de algerozes que escoam as águas para o passeio, directamente. Alguns passeios, são um mar de água.
Quando a água é muita é certo que as coisas são complicadas, mas o que me incomoda é que quando se fazem obras não pensem no clima que temos!

Badala disse...

Pois, mas as más condições foram os homens que as criaram.

biodesagradaveis disse...

outro dia tava a olhar para os dois lados antes de atravessar a rua ( pequenada, façam como eu ),e CHLOOOP .. pata na poça, foi giro, agora tou com a garganta irritada.~
Gosto muito tambem dos camelos que andam de carro e quando passam por uma possa de agua aceleram e quem se lixa é o transeunte. Bahhh ... é o caos.

APC

totoia disse...

Amanhã vou sentir na pele o que significa um dia de greve de metro...Pelo menos não vai estar a chover, assim espero.

Bruna Pereira disse...

Podes crer... Eu diria mesmo que nos dias de chuva Lisboa cheira a gasolina de tantos carros parados a deitar fumo com os semáforos vermelhos. Um horror.
Bjinhos ;)