22 outubro 2006

Já li ...

Paralelo 75 ou O Segredo de um coração traído é uma obra assinada por José Araújo e Pedro Sousa Pereira, e publicada pela Oficina do Livro.

Nesta obra, acompanhamos o percurso e as memórias de Daniel, o Sr. Engenheiro, desde Lisboa até África.

Daniel proprietário de uma fazenda em África e ligado aos negócios do café regressa à Metrópole em 75, para trás deixa uma vida e um filho, que decidiu ficar.

Passados 30 anos e com uma doença terminal, o Sr. Engenheiro decide regressar à terra que ama, reencontrar o filho e fazer as pazes com o passado.

Chegado a África confronta-se com um mundo muito diferente. Sem redes eficazes de transportes públicos, muita pobreza, mas ao mesmo tempo com um mercado negro que lhe oferece filmes que acabaram de estrear nos EUA ou mísseis cruzeiro. Na realidade, tudo se consegue, mesmo num país que passa fome.

Com a ajuda de Carlos, o seu filho, o Sr Engenheiro consegue chegar à fazenda das Terras do Mundo Perdido e reencontrar Orelhas, o seu antigo capataz e amigo.

É junto deles e da terra que ama que vai desfiando um pouco do seu passado e do amor pela mulher que um dia o abandonou.

Quando comecei a ler o livro estava à espera de um pouco mais, especialmente em relação ao modo como os "retornados" foram recebidos. Esperava mais força narrativa.

O final do livro, com a descrição dos problemas de saúde do Sr. Engenheiro, deixa-nos um pouco incomodados, pois conseguimos acompanhar de muito perto todo o seu sofrimento

Excelentes ilustrações de Pedro Sousa Pereira, também elas ajudam a contar a história.

Paralelo 75, é uma história de amor, de amizade e de regresso a um mundo perdido. Fazer as pazes com a vida e aceitar a inevitabilidade da morte foi o que Daniel fez na terra onde outrora foi a sua fazenda. Como ele próprio dizia "um homem nasceu para morrer um dia".

1 comentário:

totoia disse...

Acho que é uma história de reecontros, com o passado, com o filho, o melhor amigo e com a morte.