30 maio 2006

Feira do Livro

Ontem fui à Feira do Livro. Achei-a fraquinha. Menos expositores e poucos visitantes.

Para mim, a feira já não tem o encanto que teve. Desde que entrou no mercado a Fnac, as coisas mudaram.

Tenho ideia que os preços na feira não são muito diferentes das nossas boas livrarias. No entanto, continua a valer a pena os livros do dia, as sessões de autógrafos e as actividades (lançamento de livros, debates, etc...).

Em relação ao espaço da feira, as obras no início do Parque, junto ao Marquês, quando é que terminam? É que já chateia.

3 comentários:

Minerva McGonagall disse...

Ainda vale a pena apostar no livro dia. A "Sombra do Vento" custou-me 19 euros e estava à venda na feira por 13. Costumo ver no site oficial os livros do dia, se me intressar, dou lá um pulo!

totoia disse...

Tb achei a feira fraquinha, é a crise. Mas ir a feira do livro é um hábito antigo. Para mim marca a chegada do Verão.

Badala disse...

Concordo contigo... os preços são praticamente os mesmos, mas pronto pode ser um passeio...