25 abril 2006

Hoje é dia 25 de Abril !



O que é que representa, para os jovens de hoje, o 25 de Abril? Liberdade? Democracia? Ou, é apenas mais um feriado?

Quando frequentei o secundário, na disciplina de história não houve tempo de dar essa parte da matéria...e agora, será que já há?

Estaremos a transmitir os ideais e valores da Revolução às novas gerações?

3 comentários:

totoia disse...

Eu não vivi o 25 de Abril, mas foi sempre um assunto que me fascinou. Por essa razão tenho lido sobre a revolução e falado com pessoas que viveram esse momento. O que me faz pensar que a nossa juventude não faz ideia do que representou esta revolução, pois ouço com frequência reclamarem que antes do 25 de Abril é que era bom.. Sinceramente não percebo muito bem o que isso quer dizer, visto que não tem idade para saberem como se vivia antes. Deduzo que não essa matéria ainda não esteja no programa ou se está é mal ensinada!

India disse...

Hum.... depende dos locais e dos professores... Na minha escola está uma exposição na Biblioteca feita pelos alunos na disciplina de Português. A tónica é a intervenção, a participação cívica, a tomada de consciência. Está fantástica, não pela excelência de meios, mas pela voz criativa e crítica. Mérito dos alunos e também, perdoem-me a imodéstia, dos professores, que a propósito de um tópico do programa da disciplina, incentivaram os seus alunos a reflectir, a dar sentido a informações que eles não viveram e, também por isso, não sentem com paixão ou apropriação. A memória tem destas coisas, precisa de fazer sentido para ser sentida. E relembrando uma tirada muito assertiva que disse a uns senhores num conflito por causa do comportamento dos alunos numa saída fora da escola, é preciso explicar, dar-lhes tempo para interiorizar o que para outros é óbvio. Não se pode condenar aqueles que por desconhecimento ou distracção, não partilham as mesmas ideias que nós.E esse é um dos legados do 25 de Abril. Intervir, perceber a diferença, consciencializar. Mesmo sem cravo na lapela...

Anónimo disse...

Isto é alarmante, pois já quando terminei o ensino secundário, em 2000, esta matéria ñ era leccionada, pelo mesmo motivo: o programa era extenso e não havia tempo para dar uma das matérias mais importantes da sociedade portuguesa!
Enfim, mas mais preocupante é o facto de muitos dos nossos jovens não saberem o significado do 25 de Abril, e dizerem barbaridades c/o "antes do 25 de Abril é que era bom", ou "Viva Salazar!"
Contudo, c/o a ingnorância é elevada neste país, devemos apenas afirmar: " perdoai-lhes Senhor, que ele nãosabem o que dizem /fazem"!
Carlos Luís